(47) 99912-6094

Aprendizados da crise: um mundo mais sustentável é possível

cidade

Com a crise do coronavírus, muitas empresas estão descobrindo os benefícios do home office e de jornadas flexíveis de trabalho, tanto na qualidade de vida das pessoas quanto no aumento da produtividade. Mas os ganhos podem ser ainda mais amplos: essas práticas são benéficas também para as cidades e para o meio ambiente.

Estudos defendem essa flexibilidade no trabalho como estratégia de sustentabilidade. São pequenas atitudes que as empresas podem adotar para reduzir seu impacto ambiental. Afinal, todo mundo saindo ao mesmo tempo, todos os dias, gerando filas gigantescas no trânsito, não é saudável para ninguém. Menos circulação de carros significa menos acidentes, menos estresse e menos poluição.

Além disso, essa pandemia tem acelerado outras tendências sustentáveis que já vinham ganhando espaço, como por exemplo:

♻️ Menos uso de papel e geração de resíduos ao utilizar meios digitais

💡 Redução no consumo de energia

🏢 Preocupação com a qualidade do ar nos ambientes de trabalho

🏡 Preocupação com saúde e conforto dos usuários nas edificações

🛍️ Consumo consciente

✍🏼 Responsabilidade socioambiental das empresas

🤝🏼 Espírito colaborativo e senso de coletividade

Talvez nosso planeta esteja pedindo um tempo. Claro que estamos vivendo uma situação extrema, que não será permanente. Mas os efeitos dessa “pausa” já podem ser observados em várias localidades. Temos que ouvir os sinais e aprender com tudo isso. Enxergar que é possível sim mudar algumas atitudes, e que isso traz ganhos para o meio ambiente e para as pessoas.

Que novos hábitos você e sua empresa vão adotar daqui para frente?

Deixe um comentário